O poder do NETWORKING!

Quantos anos você tem? Há quanto tempo você se relaciona com pessoas? Você tem ideia de quantas pessoas você já conheceu na sua vida?

Normalmente, não nos damos conta do número de pessoas que fazem parte da nossa rede de contatos, e o quanto elas podem ser importantes para o crescimento da nosso negócio. Pegue, por exemplo, sua lista de contatos no whats app. Com certeza você vai encontrar pessoas que nem se lembrava mais. Agora imagine quantas pessoas esses contatos antigos já conheceram na vida deles.

Esse é o plano! A ideia do networking não é limitar-se apenas as pessoas que você conhece, e sim, quem as pessoas que você conhece, conhecem. Sacou? Só nessa mudança de mindset, tenho certeza que os possíveis clientes que você tem, já duplicaram. Imagine a seguinte situação: Você é engenheiro civil, e lembrou de um amigo que trabalha na área jurídica ou advocacia. Imagine o número de pessoas e empresas que seu amigo atende. Ofereça seu serviços a ele, e peça para que ele indique a pessoas com quem ele se relaciona. A partir do momento que você conquistou o primeiro cliente desse novo contato, repita esse processo.

“Mas Douglas, eu não gosto muito de me relacionar, seu acanhado.” Bom, aí eu tenho algumas dicas.

1 – Comece pelos seus amigos mais próximos. Peça que eles façam um trabalho de indicações a possíveis clientes.

2 – Procure um COWORKING (RHÁÁ!). Um ambiente de trabalho com muitas pessoas, que conhecem muitas pessoas, com certeza fará toda a diferença. Aos poucos você vai se soltando, conhecendo a galera e se enturmando. Além aumentar sua rede de contatos, você fará vários amigos. Vai por mim!

3 – Associações, conselhos e clubes. Conselhos do jovem empreendedor, associações comerciais, country clubs, academias e todo e qualquer lugar que tenha pessoas diferentes. Saia da sua casa, ou da sua sala comercial, e comece a frequentar esses espaços, aos poucos você vai descobrir um novo potencial grupo de clientes.

Vivemos uma era conectada. A tecnologia está nos levando um patamar completamente diferente de tudo que já vivemos. Em tempos de estratégias digitais, conteúdo, redes sociais, likes e tudo mais, a boa e velha indicação ainda tem poder, acredite!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *